Notícias
às 16:59:00

PIEPE I organiza uma roda de conversa sobre a Dengue

No último dia 8, o PIEPE I organizou uma roda de conversa sobre a Dengue com a participação da referência técnica de arbovirores do município de Itajubá, Tatiane Reis. Durante a ocasião, Tatiane apresentou o levantamento de índice rápido para Aedes aegypt do município, bairro a bairro, ratificando a necessidade de vigilância constante. Eduardo Gonçalves, docente e coordenador do PIEPE, moderou o diálogo com os alunos do 1º período, os quais puderam interagir com a temática, subsidiando ainda o desenvolvimento dos projetos em que estão inseridos no eixo neste momento. Foi apresentada a classificação de risco de cada um dos bairros, tais como, muito alto, alto risco, médico risco, baixo risco. O município destacou diversas ações de mobilização  que estão sendo realizadas junto aos mais variados atores e instituições na comunidade.
Além disso, é importante ressaltar a necessidade de notificação em tempo hábil para o setor de endemias, a fim de se ter êxito e evitar uma epidemia, o bloqueio deve ser realizado no máximo no dia seguinte após ter recebido a notificação. É fundamental preencher os dados corretos e atualizados do paciente e realizar ação de bloqueio, além de vistoriar a casa e os quarteirões próximos de um paciente com suspeita de Dengue.
Em 2022, foram realizadas 114.000 vistorias, sendo 54.252 fechadas, 11.000 recuperados e 2.437 recusas. É importante manter a vigilância constante e agir de forma efetiva para evitar a proliferação da doença.

Fonte: